PUBLICIDADE

Melhores de 2023 – Categoria: Heavy Metal

Antes de apresentar o ranking com os melhores discos de Heavy Metal, gostaríamos de convidá-lo a conhecer nosso portal.

   

Todos os dias ele é alimentado com notícias, matérias especiais, resenhas, quadros e demais conteúdos relacionados ao Metal e suas vertentes. Aqui, você não vai ver artigos inúteis à respeito do “novo corte de cabelo de Max Cavalera”, “o próximo álbum de covers da cantora Miley Cirus” ou declarações aleatórias de músicos sobre alguma politicagem do momento. Aqui você não vai ver fofocas sobre Anitta ou Pablo Vittar aparecendo em algum evento mainstream irrelevante usando alguma camiseta de banda de Rock ou Metal. Neste site, prezamos por matérias que respeitam o leitor e não tentam ganhar visualizações a todo custo com títulos repletos de clickbaits fajutos.

O Mundo Metal nasceu em 2013 como uma comunidade do Facebook e, durante seus mais de 10 anos de existência, procura fugir do estereótipo de mídias convencionais lacradoras, tendenciosas, militantes e, consequentemente, desinteressantes. Aqui o papo é e sempre foi sobre Rock and Roll e Heavy Metal. Se você ama estes gêneros em todas as suas vertentes e quer conhecer novas bandas, novos álbuns e ficar por dentro de tudo o que acontece neste fabuloso universo, este é seu espaço. Depois de conferir a lista, navegue por nosso site e conheça o conteúdo, ele é 100% independente e feito com muita paixão, de fã para fã.

A importância do Heavy Metal tradicional

Heavy Metal tradicional é o gênero primordial de todos os demais que amamos até hoje, além de representar o Metal em sua mais pura essência. Black Sabbath, Judas Priest, Motorhead e, posteriormente, a NWOBHM ajudaram a formar as nossas raízes e, juntas, são parte integrante de nossa personalidade.

Por um período de tempo, o Heavy tradicional perdeu espaço para os seus subgêneros, principalmente, aqueles mais extremos e agressivos. Porém, o surgimento da NWOTHM (New Wave Of Traditional Heavy Metal) no final dos anos 90 e início dos anos 2000, o trouxe de volta a cena.

É verdade que o gênero jamais voltou para o mainstream, porém, através de muitas novas bandas que executam tal sonoridade atualmente, o estilo tem crescido bastante. Com um poderoso legado e equipado de novas e promissoras bandas, jamais podemos nos tornar descrentes quanto a capacidade do Heavy Metal.

Em 2023, ao contrário dos anos anteriores, não tivemos muitos medalhões emplacando grandes trabalhos. As bandas veteranas que encontram-se nesta seleção estão bem longe do aporte de gigantes como Iron Maiden ou Judas Priest, mas o que realmente chamou a atenção foi a numerosa presença de novatos apresentando obras dignas de gente grande.

Vamos para os nossos escolhidos na categoria Heavy Metal em 2023!

10º: Antioch – “Antioch VI: Molten Rainbow”

A revelação canadense foi formada em 2013 e completou sua primeira década lançando o quarto trabalho de estúdio. O grupo é formado pelos irmãos Jordan e Brendan Rhyno, além do ótimo vocalista Nicholas Allaire. Assim sendo, se você é fã daquele Heavy Metal visceral, cheio de guitarras cortantes e feito com muita paixão, este é um disco que precisa ser ouvido com mais atenção.

9º: Jag Panzer – “The Hallowed”

O Jag Panzer é um nome conhecido por possuir uma discografia bastante regular. Um dos seus maiores trunfos está no talento do exímio vocalista Harry “The Tyrant” Conklyn. Aliás, neste disco o homem está simplesmente fantástico. “The Hallowed” não traz nada além do que a banda sempre apresentou, mas com uma dose extra de criatividade e muitas faixas viscerais no tracklist. “Onward We Toil” é uma das melhores composições do ano e o disco não tem apenas ela como destaque…

8º: KK’s Priest – “The Sinner Rides Again”

O ex guitarrista do Judas Priest, KK Downing, chega ao lado do vocalista Tim “Ripper” Owens, ao segundo trabalho de inéditas em dois anos. A fórmula funciona muito bem, a banda está tinindo nas apresentações ao vivo e o KK’s Priest caminha a passos largos para uma carreira de sucesso. Esperamos que o “pecador” siga cavalgando selvagem pelas estradas infernais do Heavy Metal.

7º: Alcatrazz – “Take No Prisoners”

   

Ainda que não tenham mais a voz de Graham Bonnet, os dois membros fundadores Jimmy Waldo e Gary Shea conseguiram entregar um trabalho não menos que fabuloso. O veterano vocalista Doogie White se encaixou perfeitamente na atual proposta da banda e o Alcatrazz entregou um trabalho que traz praticamente tudo que os fãs gostariam de ouvir. Além das menções e referências as canções e discos clássicos, a musicalidade ainda aponta para novos horizontes ainda não explorados.

6º: Cavaleiro Dragão – “Conhecimento Proibido”

Heavy Metal cantado em português e detentor de qualidade inconteste é algo extremamente difícil de se ver hoje em dia. O último trabalho cantado em nosso idioma que integrou uma lista do Mundo Metal de melhores do ano foi o excepcional “Devastação”, dos pioneiros do Stress. Ou seja, “Conhecimento Proibido” quebra esse tabu e mostra que a língua portuguesa, se bem utilizada, pode ser interessantíssima. Álbum matador do início ao fim!

5º: Thriller – “Street Metal”

Banda novíssima formada na Alemanha em 2022. O Thriller nasceu após o final das bandas Nasty Nuns e The Nasty, mas foi com o registro “Street Metal”, concebido em 2023, que demonstraram todo seu poderio de fogo. O registro é marcado por faixas poderosíssimas repletas de riffs e solos lindíssimos, além de andamentos contagiantes e linhas vocais viciantes. Imperdível!

4º: Nightwolf – “The Cult Of The Wolf”

Há muito tempo uma banda brasileira não nos empolgava tanto com um disco de estréia. Porém, “The Cult Of The Wolf” é um álbum que bate de frente com absolutamente qualquer trabalho concebido por uma banda internacional da NWOTHM. O alcance vocal de Jack Znake impressiona, assim como o entrosamento e criatividade da dupla de guitarristas formada por Adan Hessen e Rafael Roan. Registro estonteante e com jeitão de clássico.

Bronze: Air Raid – “Fatal Encounter”

Pela primeira vez na discografia o Air Raid repete o mesmo vocalista do disco anterior e, finalmente, temos uma real continuidade de um trabalho. Se “Across The Line” rendeu elogios aos suecos, “Fatal Encounter” os coloca em uma posição de destaque iminente na cena Heavy Metal mundial.

Prata: Anthem – “Crimson & Jet Black”

O Anthem é uma das bandas mais esforçadas de todo o Metal. Formada em 1981 e chegando ao seu vigésimo trabalho de inéditas, os japoneses finalmente alcançaram um padrão de qualidade irretocável. “Crimson & Jet Black” é o primeiro disco cantado 100% em inglês e, não por coincidência, ele traz uma quantidade incrível de porradas certeiras. Destaque para os riffs, linhas e solos do exímio guitarrista Akio Shimizu.

Ouro: Roadwolf – “Midnight Lightning”

Surpreendendo muitos, inclusive, nós da moderação, o segundo trabalho dos austríacos do Roadwold acabou atropelando geral na reta final e faturou o ouro. Se você é fá daquela mistura bem feita entre a musicalidade de bandas seminais como Judas Priest, Accept e Saxon, este é um disco que deve se tornar realmente imperdível pra você.

Audição obrigatória!

Playlist Mundo Metal

Não conseguiu acompanhar todos os principais lançamentos do gênero? Tudo bem, afinal, nós preparamos uma playlist para você ficar atualizado com o que de melhor rolou no Heavy Metal tradicional durante todo o ano de 2023. Não se esqueça de seguir o perfil do Mundo Metal no Spotify.

PUBLICIDADE

Comentários

  1. O Heavy Metal é um estilo de Rock, no qual foi abençoado a não ser tocado em rádios, mídia pop e novelas!!!! Se o Metal fosse tocado em qualquer lugar, hora e novelinha perderia a graça, porque o Heavy Metal não é moda ou modismo…é vida!!!! Para quem é fã do estilo, sabe o que foi e o que eu quis dizer com essas minhas singelas palavras…a lista acima já diz tudo, sempre aparece bandas novas e outras antigas voltam sempre com alguma novidade!!!! O metal não vive de música de trabalho, vive de disco de trabalho…existe todo um conceito e arte em seus discos, coisa que vc não vê no Sertanejo Universitário que vive apenas de refrões melosos, pegajosos e que apenas falam da mesma coisa de sempre!!!! O Heavy Metal é arte, simbolismo e acima de tudo uma religião…não precisa ser tocado em rádios populares ou coisa parecido, tá na alma de quem conhece!!!! A lista de bandas acima tá muito boa, Valeu!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -