PUBLICIDADE

Melhores de 2022 – Categoria: Black Metal

Antes de apresentar o ranking de 2022 com os melhores discos de Black Metal, gostaríamos de convidá-lo a conhecer nosso portal. Todos os dias ele é alimentado com notícias, matérias especiais, resenhas, quadros e demais conteúdos relacionados ao Metal e suas vertentes. Aqui, você não vai ver artigos inúteis à respeito do “novo corte de cabelo de Max Cavalera”, “o próximo álbum de covers da cantora Miley Cirus” ou declarações aleatórias de músicos sobre alguma politicagem do momento. Aqui você não vai ver fofocas sobre Anitta ou Pablo Vittar aparecendo em algum evento mainstream irrelevante usando alguma camiseta de banda de Rock ou Metal. Neste site, prezamos por matérias que respeitam o leitor e não tentam ganhar visualizações a todo custo com títulos repletos de clickbaits fajutos.

   

O Mundo Metal nasceu em 2013 como uma comunidade do Facebook e, durante seus mais de 8 anos de existência, procura fugir do estereótipo de mídias convencionais lacradoras, tendenciosas, militantes e, consequentemente, desinteressantes. Aqui o papo é e sempre foi sobre Rock and Roll e Heavy Metal. Se você ama estes gêneros em todas as suas vertentes e quer conhecer novas bandas, novos álbuns e ficar por dentro de tudo o que acontece neste fabuloso universo, este é seu espaço. Depois de conferir a lista, navegue por nosso site e conheça o conteúdo, ele é 100% independente e feito com muita paixão, de fã para fã.

Seja muito bem vindo!

Black Metal em 2022

Hoje, é a vez do subgênero mais sombrio do Metal. Desde o seu surgimento, o Black Metal foi se modificando, ganhando novos elementos e enriquecendo a sua musicalidade. Não é por acaso que grande parte de seus admiradores preferem os trabalhos gravados mais recentemente.

O ranking de Black Metal sempre mescla nomes consagrados com outros mais obscuros do estilo e 2022 não foi uma exceção.

Estes são os nossos favoritos na categoria Black Metal:

10º posição: Ceremonial Castings – “Our Journey Through Forever”

“Our Journey Through Forever” é o décimo primeiro full lenght do trio americano da cidade de Battle Ground, no estado de Washington, ao mesmo tempo que é o segundo registro da banda após seu retorno, pois a mesma esteve inativa entre 2014 e 2020, quando retornou com o disco “Salem 1692 (MMXX)”.

Experimente:

9º posição: Hierophant – “Death Siege”

Quarteto italiano da cidade de Ravenna, fundado em 2009, lançou seu quinto disco completo. Seu Black Metal mistura elementos de Sludge, Hardcore e Death.

A capa macabra também merece menção.

8º posição: Darkthrone – “Astral Fortress”

Astral Fortress” é o vigésimo álbum dos veteranos noruegueses. Ultimamente, seus registros dividem opinões, mas o atual lançamento convenceu nossos redatores, apesar da capa estranha, a qual fez muita gente ficar com um pé atrás.

Darkthrone sendo Darkthrone.

7º posição: Saor – “Origins”

   

A one man band do vocalista e multi instrumentista escocês Andy Marshall acertou em cheio mais uma vez e apesar de não ter agradado tanto quanto seu antecessor, “Forgotten Paths” de 2019, “Origins” mostrou a sonoridade viajante e criativa do Saor, fantástica, como ela é.

Ouça e relaxe:

6º posição: Watain – “The Agony & Ecstasy Of Watain”

Há quem diga que os suecos do Watain nunca erram, pois, pelo menos, o seu atual registro, “The Agony & Ecstasy Of Watain”, sustenta essa afirmação, sendo o sétimo disco desses vetaranos da cidade de Uppsala.

5º posição: Αχέροντας (Acherontas) – “Malocchio ​-​ The Seven Tongues of Δαημων (Daemon)”

A Grécia vem se destacando cada vez mais na cena Metal mundial, pois, inclusive, em 2022, tivemos algumas surpresas vindas de lá. Os veteranos do Acherontas fizeram bonito com o seu lançamento, merecendo dessa forma estarem em nosso ranking.

4º posição: Dark Funeral – “We Are The Apocalypse”

Fundado em 1993, em Estocolmo, Dark Funeral coloca a Suécia pela segunda vez em nosso ranking com seu sétimo full lenght, “We Are The Apocalypse”.

🥉 Medalha de bronze: Kvaen – “The Great Below”

A Suécia chega em terceiro lugar ao nosso pódio com o one man band capitaneado pelo vocalista e multi instrumentista Jacob Björnfot. “The Great Below” é o seu segundo disco, sucessor de “The Funeral Pyre”, o qual, da mesma forma, nos convenceu em 2020.

Ouça e confira:

🥈 Medalha de prata. Agathodaimon – “The Seven”

Em segundo lugar, como é possível concluir, “The Seven“, o sétimo álbum da banda alemã da cidade de Mainz, fundada em 1995. O quinteto esteve inativo entre 2014 e 2020, portanto, “The Seven” é também seu primeiro registro lançado após seu retorno às atividades.

🥇 Medalha de ouro. Belphegor – “The Devils”

Os austríacos do Belphegor levam, com méritos, a “taça” do CAMPEONATO do subgênero Black Metal em 2022. Em registros anteriores, sua sonoridade equilibra Death e Black Metal, porém, em “The Devils”, a veia Black Metal foi muito mais forte, produzindo um disco acima do mal e do mal, afinal de contas, estamos falando de Black Metal.

Clique no link abaixo, a fim de conferir e tire qualquer dúvida:

Veja também

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -