PUBLICIDADE

Sessão 2022: Austrália

Nem só de AC/DC vive o Rock e o Metal australiano. No ano passado, por exemplo, a principal ilha da Oceania nos trouxe o ótimo álbum “Summoning”, segundo da banda de Thash Metal da cidade de Melbourne, Desecrator. Esse ano, interessantes trabalhos nasceram em solo australiano. Que tal checarmos a veracidade dessa informação?

Eis nossos eleitos:

Incrypt – “Thrashing Extinction”:

Lançado no último dia 25 de fevereiro, em formato independente, “Thrashing Extinction” é o quarto full lenght da banda de Thrash Metal de Melbourne, Incrypt. Ele é sucessor de “Eyes upon This World”, de 2017.

   

Vale a pena ser conferido!

Reaper – “Viridian Inferno”:

“Viridian Inferno” é o debut do quarteto de Melbourne, lançado no último dia 22 de abril, pelo selo Dying Victims Productions, cuja sonoridade mescla Speed, Thrash e Black Metal. Um dos melhores lançamentos de Black/Thrash do ano.

Ouça essa pancadaria:

Nocturnal Graves – “An Outlaw’s Stand”:

Mais uma banda de Melbourne? Pois é. Impressionante! No dia 7 de janeiro, pelo selo Season Of Mist, nasceu o quarto full lenght da do quarteto de Metal extremo, Noctunal Graves. Sua sonoridade pode ser definida como Blackened Thrash/Death Metal.

Se você não tem audição sensível, vá em frente:

Asylum – “Tyrannicide”:

Após uma sequência de EPs, uma trinca, o power trio de Thrash Metal de Sunshine Coast/Brisbane (ufa, finalmente não é Melbourne, rs), Asylum, lançou, no último dia 2 de setembro, em formato independente, o seu primeiro full lenght, “Tyrannicide”, que concorre à lista TOP 10 Mundo Metal de 2022, certamente.

Ouça e comprove a qualidade desse debut:

Indicações: Cristiano “Big Head” Ruiz

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
223SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações