Playlist: Iron Savior

PUBLICIDADE

Piet Sielck é uma das figuras mais importantes do Power Metal mundial e este fato não se deve apenas por causa do Iron Savior. No início dos anos 80, Piet fez parte de uma banda chamada Gentry, na verdade, ele foi um dos membros fundadores ao lado de Kai Hansen. Como todos sabem, o Gentry viria a se tornar o que conhecemos hoje como Helloween. Nesta época, Piet acabou deixando a banda para se tornar engenheiro de som e, como produtor, o seu primeiro trabalho foi o debut do Gamma Ray, “Heading For Tomorrow”, de 1990. Quando trabalhou no disco de estréia do Gamma Ray, Piet e Kai perceberam que ainda possuíam muita química e ficou estabelecido que algum dia tocariam juntos mais uma vez. Com a alta popularidade do Power Metal nos anos 90, resolveram criar um projeto chamado Iron Savior e, para isso, recrutaram o baterista Thomen Stauch, na época ainda integrante do Blind Guardian. O trio de peso lançou em 1997 o debut autointitulado e, obviamente, o que era um projeto ganhou notoriedade e acabou se tornando uma banda de fato.

Thomen não continuou na banda por problemas de agenda com sua banda principal, mas Kai Hansen seguiu contribuindo com o Iron Savior até 2001 e gravou mais dois álbuns, “Unification” (1999) e “Dark Assault” (2001), além do EP “Interlude” (1999). Depois disso, Kai não conseguiu mais conciliar a agenda do Gamma Ray com a do Iron Savior e resolveu deixar o grupo, que acabou sendo reformulado algumas vezes e lançou mais 8 registros. Os de maiores destaques desta fase foram: “Condition Red” (2002), “The Landing” (2011) e os dois últimos, “Killed Or Get Killed” (2019) e “Skycrest” (2020). A grande verdade a ser dita sobre o Iron Savior é que independente dos músicos envolvidos, Piet Sileck conseguiu criar um estilo muito próprio com características únicas e jamais se desviou da proposta iniciada no debut de 1997. Em alguns trabalhos a inspiração foi menor, em outros maior, mas nunca a banda se deixou levar por modismos ou guinadas musicais inusitadas. O trabalho do grupo é conciso, retilíneo e sem deslizes.


Se você não conhece a fundo a discografia, eis aqui uma belíssima oportunidade para conhecer ao menos os grandes os momentos destes mais de 20 anos a serviço do Power Metal. Aperta o play, aumenta o som e curta com a gente esta playlist feita no capricho.

Com vocês: Iron “fuckin” Savior!

Redigido por Fabio Reis

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,663SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
151SeguidoresSeguir
960InscritosInscrever

Últimas Publicações