PUBLICIDADE

Opinião: Bruce Dickinson está se tornando um velho ranzinza?

Embora estejamos falando de uma pessoa, profissionalmente, brilhante, sabemos que o vocalista do Iron Maiden, Bruce Dickinson, nunca teve um temperamento muito fácil e, com o passar dos anos, essa situação tem se agravado. Dickinson nunca foi considerado, inclusive pelos mais fãs , simpático fora dos palcos, porém, ele tinha o controle da festa quanto estava em cena.

Há alguns dias atrás, o vocalista removeu fisicamente um fã que invadiu o palco e o entregou aos seguranças, demonstrando nenhuma paciência.

Na última sexta-feira, 21/10, em show nos Estados Unidos da América, o frontman criticou expectadores que estavam fumando maconha próximo ao palco.

   

Ele disse:

“Tem tanta gente fumando maconha aqui embaixo, estou impressionado que dê para enxergar. Coitado do Steve. Não sei se vocês sabem, mas ele odeia maconha e o cheiro dela, sabe? Então quando ele está tentando tocar baixo, isso o incomoda. Me incomoda. Sou um cantor, certo? Então só vou pedir um pouco de respeito – se você quer ficar completamente travado e doidão, vá lá para o fundo e faça isso. Tudo bem? Se não, você vai acabar como esse babaca aqui dizendo ‘uhhhh’”.

É um direito dele, e do Harris também, gostar ou não de maconha ou qualquer outra coisa. Mas, é inegável que esse tipo de droga sempre foi e será uma constante em eventos musicais, ainda mais quando se trata de Metal e Rock.

Eu, particularmente, detesto todas as drogas, todavia, estou ciente que nesses ambientes vou presenciar pessoas fazendo uso das mesmas, então é certo que eu me adapte ao contexto e não o contexto a mim.

Senhor Dickinson, se não quer sentir cheiro de maconha ou que fãs invadam o palco para banguear, acho que é hora de aposentadoria ou de mudança de ramo, quem sabe tocar em culto, missa ou concerto de música erudita.

Redigido por: Cristiano “Big Head” Ruiz

PUBLICIDADE

Comentários

  1. Esse não perde a chance de ficar quieto. Calado é um poeta. Muito bonito o pingaiada britânico cagando regras sobre o que se deve ou não deve fazer num show. O Iron Maiden está igual a sua cega seita de seguidores atuais: careta, velha e chata.

  2. Infelizmente ele sempre foi ranzinza e mal educado com os fãs. Vejo outros cantores que são carinhosos com os fãs dão autógrafos conversam. Ele chegou a dar uma gravata no fã arrancando ele quase nos tapas em um show isso é um absurdo. Sempre achei ele um excelente vocalista mas como pessoa falta muito muito mesmo

  3. Cristiano Ruiz e sua opinião de maconheiro. É impressionante o que um viciado acha de desculpa para justificar seu vício e ainda crítica quem se incomoda com quem não precisa desse tipo de substância para viver.

    (eis a opinião de algum fã emocionado que não leu o texto) kkkk

  4. Eu concordo com Ele. Muito ruim chegar num show cedo, pegar um bom lugar e de repente um idiota qualquer acender um cigarro de qq bhosta. Isso sem dizer que em shows de Rock hoje em dia tem muitas crianças. E o episódio de tirar o cara do palco foi até engraçado e brincando!

  5. Pessoal esquece que são músicos na casa dos quase 70 anos com um vocalista cantando com maestria e já com histórico de câncer, só aí ficar cheirando fumaça não é legal. E ele está certo mesmo, atrapalha até às outras pessoas que pagaram pra assistir. Quem não entende isso fica difícil o diálogo mesmo.

  6. Então só pq é um show de rock o povo tem q fazer o q bem entende no palco? Onde a banda está tocando não só pra aquele infeliz, mas pra vários outros pagantes. Um ou outro não pode interferir na apresentação, seja invadindo o palco ou fazendo uma Maria fumaça na cara dos artistas, independente de quem seja esse. Dai o cara ágil mal, tá sendo RANZINZA ou agredindo o chapadão. Me polpe, materiazinha mais sem noção!

  7. O Roger Daltey do The Who também deu uma bronca num cara que fumava maconha na frente do palco…Puxa vida! Se coloquem no lugar destes caras…Na verdade ele estão trabalhando…sem o glamour do rock, no outro dia eles tem que estar inteiros para outro show e daí ficar respirando fumaça de maconha e ter que cantar em alta performance é extremamente difícil…O Bruce não está ranzinza, ele está cuidando dele mesmo, de seu oficio…E se um idiota também entra e vem dar uma de abobado e ficar atrapalhando o show, desconcentrando a execução da musica tem mais que ser retirado do palco…chama-se inconveniente!!…Queremos é ver a banda e não o “imbecil” que subiu lá pra atrapalhar o show…Puro Egoísmo!…e foda-se par aqueles que dizem que esta atitude é “rock n roll” ..pois não é…é uma infantilidade…quer subir e dar “mosh” agarrar os músicos, ficar no meio do palco? Vai pra um outro show em que isto já está meio que institucionalizado como um show de bandas de Thrash, por exemplo….tipo Exodus, Slayer, etc….Aliás nem os cara do Metalllica aturam mais este tipo de atitude…talvez os do Slayer e Exodus tb não gostem mais destas posturas…Querem tocar e fazer o show! e por ultimo, vão fumar maconha depois do show ou lá no fundo….ninguém é obrigado a aturar fumaça na cara…

  8. O Roger Daltey do The Who também deu uma bronca num cara que fumava maconha na frente do palco…Puxa vida! Se coloquem no lugar destes caras…Na verdade ele estão trabalhando…sem o glamour do rock, no outro dia eles tem que estar inteiros para outro show e daí ficar respirando fumaça de maconha e ter que cantar em alta performance é extremamente difícil…O Bruce não está ranzinza, ele está cuidando dele mesmo, de seu oficio…E se um idiota também entra e vem dar uma de abobado e ficar atrapalhando o show, desconcentrando a execução da musica tem mais que ser retirado do palco…chama-se inconveniente!!…Queremos é ver a banda e não o “imbecil” que subiu lá pra atrapalhar o show…Puro Egoísmo!…e foda-se par aqueles que dizem que esta atitude é “rock n roll” ..pois não é…é uma infantilidade…quer subir e dar “mosh” agarrar os músicos, ficar no meio do palco? Vai pra um outro show em que isto já está meio que institucionalizado como um show de bandas de Thrash, por exemplo….tipo Exodus, Slayer, etc….Aliás nem os cara do Metalllica aturam mais este tipo de atitude…talvez os do Slayer e Exodus tb não gostem mais destas posturas…Querem tocar e fazer o show! e por ultimo, vão fumar maconha depois do show ou lá no fundo….ninguém é obrigado a aturar fumaça na cara…

    RESPONDER

    • Disse tudo! É exatamente esse o ponto… uma simples busca no YouTube já se encontra esse tipo de situação em outras bandas e tbm do Iron. Mas daí os seguranças foram mais rápido!
      Escutem tears of the dragon, são Paulo 1999 e ouçam ele pistolando, então ele não está ficando RANZINZA, esse é ele e sempre tomou a frente pra bem do show, só q ninguém havia se dado conta.

  9. Bruce sendo Bruce como sempre foi, e em nada me surpreende.

    O cara é ácido e não tem papas na lingua, fala doa a quem doer, sempre foi assim, desde jovem diga-se de passagem, tanto que já pisou no calo do Judas, Ozzy, Metallica, Punks e por ai vai.

    Lugar de fã é na plateia, tem alguma escadinha para o público subir?

    Quando a banda quer chama para o palco tranquilo … o Bruce NÃO FOI mal educado com o fã … pelo contrário, no começo, apontou para o fã sair e o cara ficou fazendo uma dança de maluco em cima do palco, aliás, segurança de merda … se fosse um cara querendo dar um tiro em alguém da banda ? (basta ver o video inteiro e não na versão datafolha rsrs)

    Eu como músico não gosto de ninguém em cima do palco, inclusive, já teve filho da puta que subiu enquanto estava tocando e deixou a breja cair nos meus pedais … outra vez, pisaram no pedal e mudaram o efeito que estava usando, já sem embolaram em cabos do microfone do vocalista, quase derrubaram o teclado e por ai vai.

    No show do Rock in Rio, o que tocaram assim que Bruce e Adrian voltaram, o Maiden levou alguns fãs para o palco.

    No caso da maconha, o Maiden virou banda de gerações, várias, onde avós, pais e filhos vão ao show … quem quiser fumar que fume, mas nem todos gostam e tem tanto direito quanto a qualquer um que esta ali … quer fumar, morra de fumar antes e depois do show.

    Tenho vários amigos que fumam, eu já fumei, mas confesso, quando o fazia, ia para o carro, banheiro, no camarim, ia para puta que pariu, menos fumar no meio da multidão, isso chama-se respeito, tanto com a banda quanto com o público, seguranças e todos que ali estão. Não é sua casa, é um espaço em comum dividido com pessoas de várias opiniões diferentes.

    Estamos falando de show do Maiden, não festival de banda tingalera no bar do Zé.

    Prefiro que os “Zés” Droguinhas e Moshers não vão ao show do que a banda parar ou se aposentar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
223SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações