PUBLICIDADE

Resenha: Feverhawk – “Nocturnal Urge” (2019)

Eis que em 2018, na cidade de Jamestown, no estado de NY, nasce mais uma banda do NWOTHM, batizada como Feverhawk, cuja sonoridade mistura elementos de Hard Rock, Heavy Metal, Stoner, Doom e até uma pitada de Punk Rock.

   

Pois, essa salada de subgêneros faz a música do grupo ser ainda mais interessante. Anteriormente, já em seu ano de fundação, Feverhawk lançou seu primeiro registro, o EP homônimo, e esse ano já disponibilizaram o segundo EP, “Nocturnal Urge”, sobre o qual falaremos a seguir.

FEVERHAWK / Reprodução / Facebook

“Chosen One”

Em primeiro lugar, “Chosen One” abre o petardo com pegada Heavy Metal em sua introdução. A canção tem muitas variações rítmicas passeando pelos gêneros citados no primeiro parágrafo.

Contudo, o vocal de Matthew Baxter demonstra toda sua versatilidade, diversificando linhas de vozes que vão do Hard/Heavy clássico até um pequeno trecho gutural.

Entretanto, o Doom acaba sendo a característica predominante dessa faixa de abertura. Com um riff completamente “sabbático”, a canção “Toxic Pretender” incendeia a audição e novamente observo a qualidade que mais me agrada no NWOTHM, pois mesmo as bandas possuindo nítidas influências em nomes dos anos 70’s e principalmente 80’s, elas nunca deixam de possuir uma personalidade sonora. Observar isso é sempre animador.

“Dark Temptress”

Aliás, o riff que mais me agradou no EP está presente na faixa “Dark Temptress”. A cozinha formada pelo baixista Jason Peterson e o baterista Jason Sarro dá a sustentabilidade precisa, ambientando uma atmosfera de puro Metal, o qual não se compromete nem com firulas, tampouco com modismos. Não teria como não me agradar. “Nocturnal Urge”, canção título, encerra esse registro deixando claro que Feverhawk é uma banda que veio com a intenção nítida de permanecer, fazendo um som de qualidade para as audições mais requintadas. Novamente, o Doom Metal mostra o rosto já na introdução da faixa, que tem a duração de 11m43s e remete ao Black Sabbath em sua fase clássica da década de setenta.

FEVERHAWK / Divulgação / Facebook

Ainda não tive a oportunidade de conhecer o primeiro EP do Feverhawk, mas após algumas audições do “Nocturnal Urge”, posso afirmar com segurança que espero ótimos registros futuros.

Deve conhecer esse som sem receios, quem apreciar todos esses caracteres sonoros mencionados por mim.

Nota 8,7

Integrantes:

  • Jason Sarro (bateria)
  • Jamie Trusler (guitarra)
  • Jason Peterson (baixo)
  • Matthew Baxter (vocal e guitarra)

Faixas:

  • 1.Chosen One
  • 2.Toxic Pretender
  • 3.Dark Temptress
  • 4.Nocturnal Urge

Redigido por: Cristiano “Big Head” Ruiz

   

Quem é Mundo Metal?

Mundo Metal nasceu em 2013, através de uma reunião de amigos amantes do Rock e Metal. Com o objetivo de garimpar, informar e compartilhar todos os bons lançamentos, artistas promissores e tudo de melhor que acontece no mundo da música pesada.

Despretenciosamente, veio o grupo e depois a página no Facebook, aos poucos passamos a utilizar outras redes como Instagram e Youtube e, posteriormente, nosso site oficial veio a luz. Apesar de todas as dificuldades da vida cotidiana, nunca desistimos de nossos objetivos e, hoje, nosso site está em franca expansão.

Sejam muito bem-vindos a nossa casa e desejamos de coração que voltem sempre.

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -