PUBLICIDADE

Clássicos: Rainbow – “Rising” (1976)

“Rising” é o segundo álbum da banda de Hard Rock britânica, Rainbow, que sucedeu o debut “Ritchie Blackmore’s Rainbow” do ano anterior e assim como o debut, foi produzido pelo saudoso Martin Birtch, a fera da produção.

   

Quando você vê o álbum “Rising” debaixo do braço de um adolescente, dá muita vontade de correr e dizer para o garoto: “Esse disco é um clássico absoluto!”. Pois, essa foi a vontade que sempre senti.

Clássico? Não! Clássico absoluto! Qual a diferença? Não sei

A única coisa que sei é a capacidade do Ritchie Blackmore em realizar uma formação capaz de produzir um lançamento brilhante à altura dos grandes clássicos do Deep Purple.

Crédito: Photo By Página do Facebook

O disco começa com um synth de Tony Carey na faixa inicial, “Tarot Woman”, para declarar que uma obra-prima está por vir. Logo depois, a cadenciada “Run with the Wolf” vem para mostrar porque Dio foi chamado para ser o vocal da banda e é considerado o Deus do Metal. O álbum reproduz faixas matadoras. O grande momento vai acontecer, pois a cereja do bolo foi colocada com a belíssima “Stargazer”, que abre o lado B. Ela é um celeiro de musicalidade do que a banda pode fazer de melhor, trazendo a poderosa voz de Dio dentro de uma melodia emocionante, enquanto Blackmore realiza um dos mais belos solos de guitarra da história do Rock.

Quando alguém me pergunta por que considero Blackmore o melhor guitarrista de Rock, peço para ouvir a música “Stargazer” toda. Enfim, aos 45 minutos do segundo tempo, a banda resolve fechar o disco com a empolgante “A Light in the Black”, que vem com uma sequência matadora de teclados e guitarra para dizer que a pérola está quase no final.

Mas quem é o baterista?

A fera de sempre: o saudoso Cozy Powell.

Crédito: Photo By Página do Facebook

Sobre as faixas que eu ainda não citei?

Temos “Startruck” que é puro Hard Rock 70’s e em seguida, “Do You Close Your Eyes”, que é mais que Hard Rock, é uma aula de Hard Rock., com Ronnie James Dio se entregando de alma para o estilo.

Se alguém ainda não conhece essa obra prima, não deveria perder mais um único segundo e correr atrás desse grande prejuízo, urgentemente, pois não se trata só de um clássico. Mas de um clássico absoluto.

Nota 10,0

Integrantes:

  • Ritchie Blackmore (guitarra)
  • Cozy Powell (bateria)
  • Ronnie James Dio (vocal)
  • Jimmy Bain (baixo
  • Tony Carey (teclado)

Faixas:

  1. Tarot Woman
  2. Run With The Wolf
  3. Starstruck
  4. Do You Close Your Eyes
  5. Stargazer
  6. A Light In Black

Redigido por Marcio Abbes

PUBLICIDADE

Comentários

  1. Um dos melhores discos da banda!!!! Praticamente foi dessa banda que nasceu o termo Power Metal e com o tempo foi desenvolvido o estilo no início dos anos 80!!!! Destaque para a música Stargazers e do baterista da época: Cozy Powell!!!! Valeu!!!!

  2. Depois de quase 50 anos, a verdade cena à tona. Blackmore é o maior guitarrista de todos os tempos, enfrentando feras absolutamente maravilhosas, mas Ele se Sobressai. Rainbow Rising pra mim é o Disco, CD, DVD ou qualquer outra mídia, mais importante da história do ROCK.
    Um álbum que deve ser considerado muitíssimo acima dos melhores já editados. A complexidade musical dos integrantes, nas execuções, desabamcam alguns outros mitos. Compuseram verdeiros HINOS, que os Amantes de Música deveriam VENERAR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -