PUBLICIDADE

Álbuns Injustiçados: Rainbow – “Down To Earth” (1979)

“Down To Earth” é o quarto álbum da banda britânica de Hard Rock, Rainbow, lançado em 1979, tendo sido sucessor do aclamado “Long Live Rock And Roll” de 1978. Ele é o trabalho mais subestimado da banda, sem dúvidas.

Que Ritchie Blackmore é uma pessoa geniosa e difícil de lidar, todos estão carecas de saber. A trinca inicial do Rainbow, “Ritchie Blackmore’s Rainbow”, “Rising” e “Long Live Rock’N’Roll”, é considerada impecável, tanto pelos fãs, quanto para a mídia especializada no assunto. Porém, com todo esse sucesso e relevância obtidos, Blackmore não estava satisfeito, pois procurava por uma sonoridade que ainda não havia atingido. O saudoso Ronnie James Dio já não fazia mais parte da banda e Blackmore recrutou Graham Bonnet (Alcatrazz, MSP) para a difícil missão de assumir o seu lugar.

   
RITCHIE BLACKMORE / RAINBOW / Divulgação / Down To Earth Tour 1979

O mítico guitarrista buscava uma identidade AOR (Adult Oriented Rock) para a sua banda. O Arena Rock, como também é chamado, era tendência na segunda metade da década de 70 e Blackmore se interessou em produzir aquele estilo de Hard Rock. Com exceção da canção “Since Been Gone”, cover de Russ Balard, que abre o lado B do disco, essa tentativa foi frustrada. Qual a razão? A voz de Graham Bonnet não soava parecida com os grandes vocalistas do estilo e a banda acabou não fugindo tanto assim de suas raízes sonoras. Ritchie Blackmore só conseguiu o que esperava com Joe Lynn Turner nos vocais, a partir do álbum “Difficult To Cure”, em 1981.

Qual o problema de muitas pessoas com esse disco?

Muitas delas focaram na intenção e se esqueceram de verificar o resultado final do trabalho. Embora parte das canções tenha sido composta com o propósito de soar AOR, a voz de Bonnet quebrou essa tendência, aproximando mais a sonoridade do Hard Rock tradicional daquela década. É possível comprovar isso na faixa de abertura “All Night Long”. A veia Prog/Rock permaneceu, basta conferir em “Eyes Of The World” e “Lost In Hollywood”, que são excelentes faixas. “No Time To Lose” é simplesmente Hard Rock como já havia sido feito pelo Rainbow. Se você compará-la com “Do You Close Your Eyes” do “Rising”, verá que tem estilos bem semelhantes.

RAINBOW / Down To Earth line-up / Divulgação

Além dessas citadas anteriormente, o álbum tem canções fantásticas como “Makin’ Love” e “Danger Zone”, as quais são minhas favoritas. “Makin’ Love” mostra novos e interessantes elementos de Ritchie Blackmore em riffs mais diferenciados e complexos. “Danger Zone” destaca Bonnet e sua conhecida potência vocal. Ainda há “Love’s No Friend”, a qual é um blues na pegada de “Mistreated “, adornada pela agudíssima e melodiosa voz de Graham.

Se o disco soasse completamente AOR, haveria algum problema nisso?

Obviamente, que não, porém se esse é o motivo pelo qual muitos torcem o nariz para esse álbum, ele é completamente equivocado. “Down To Earth” acabou sendo um divisor de águas, pois Ritchie Blackmore ficou com cada um de seus pés em mundos distintos.

Se você não conhece “Down To Earth” por puro preconceito baseado no que te falaram sobre ele, está na hora de deixar isso de lado e partir para a audição desse ótimo full lenght.

Nota: 8,8

Formação:

  • Graham Bonnet (vocal)
  • Cozy Powell (bateria)
  • Roger Glover (baixo)
  • Ritchie Blackmore (guitarra)
  • Don Airey (teclado)

Faixas:

  • 1.All Night Long
  • 2.Eyes Of The World
  • 3.No Time To Lose
  • 4.Makin’ Love
  • 5.Since You Been Gone
  • 6.Love’s No Friend
  • 7.Danger Zone
  • 8.Lost In Hollywood

Redigido por Cristiano “Big Head” Ruiz

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
194SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações