PUBLICIDADE

Música & Letra: “Goi, Rode Goi!” (Arkona)

“Goi, Rode Goi!” do Arkona.

   

Este é um quadro especial e bastante específico, pois abre espaço para inserir e entender junto ao caríssimo e assíduo leitor, o que cada música conta para nós em seus versos e estrofes, acompanhadas por grandes riffs e solos de sucesso. Por vezes, os videoclipes não mostram com exatidão toda a mensagem composta na canção, e este espaço foi idealizado exatamente para explanar e decifrar o que está por trás das letras. Vamos conferir a escolha desta edição.

Sobre a música:

A letra de “Goi, Rode Goi!” possui dizeres no encarte sobre a sua trajetória como um indicativo do que a banda vem a tratar. A faixa-título do disco em questão abre as cortinas de ferro com o intuito de explorar o passado e a crença eslava antiga. Existem muitos elementos e figuras destacáveis dentro do cenário russo e que costuma acompanhar a literatura prussiana, sabe bem que existe muita riqueza nos versos escritos no lado leste do mapa.

O próprio nome Аркона (Arkona) possui um significado importante. Arkona foi a última cidade-castelo eslava pagã destruída em 1168 pela cruzada liderada pelo bispo Absalon e pelo rei Valdemar, o Grande, da Dinamarca. Ele estava localizado na ilha de Rugia, no Mar Báltico (agora na Alemanha). Antes de mudarem o nome da banda para Arkona, a banda se chamava Гиперборея (Hyperborea). Foi bem melhor essa troca e a confusão se dá apenas por existir o Arkona polonês. Mas, o russo é o mais famoso e melhor também. Ponto para a incrível Masha “Scream”.

Sobre a letra:

Sobre os dizeres antes da canção começar aqui está o breve texto seguido de um verso: “ao retornar de uma viagem marítima, os guerreiros enfrentam uma tempestade noturna que leva a um naufrágio no recife. Feridos e congelados, a tripulação desembarca em uma pequena ilha rochosa na esperança de sobreviver, mas quando eles percebem que não durarão até de manhã, eles oram a Wind-Stribog para levar a mensagem sobre sua morte para suas famílias e parentes. Morrendo, os guerreiros agradecem a Rod pela vida que receberam”.

“Não caído vítima da maré alta,
Na luta mortal com o vento,
Espalhando as mãos para os céus,
Você está esperando a resposta de Rod.”

Muitos deuses são diferentes dos deuses mais conhecidos e ao mesmo tempo bastante semelhantes, como os deuses nórdicos, gregos e hindus. Por exemplo, e sobre Stribog, este é um dos deuses supremos dos antigos eslavos. Segundo a lenda, ele nasceu das faíscas que ocorreram quando Svarog, o ferreiro celestial, atingiu a pedra de Alatir e do vento que ele fez com cada golpe de seu martelo. É por isso que Stribog é o deus dos ventos, das tempestades, do bom e do mau tempo. Ele controla o clima, trazendo ventos frios ou suaves aos eslavos que trabalhavam em seus campos, levando saúde às pessoas, animais e campos. Stribog é um Deus alado, veloz, astuto, temperamental, severo, zangado, mal-humorado e mal-humorado.

Rode, parecido com Zeus e Odin

Ele está sempre em movimento e em todos os lugares, ruge em espaços abertos e se contorce pelos menores buracos. Já o deus Rode é parecido com Zeus e Odin, sendo o senhor de tudo, Deus do nascimento, criador de tudo existente. Por isso o agradecimento pela vida feito pelos navegantes antes de perecerem. Em alguns registros da mitologia eslava pré-cristã, Rod é um antigo deus da chuva e da fertilidade que, junto com seus associados e contrapartes femininas, os Rozhanitsy, protege o lar e o parto. Em outros registros, no entanto, Rod não é um deus, mas sim uma criança recém-nascida e o espírito dos ancestrais de um clã, que sobrevive para proteger a família.

“Através da névoa cinza / O olhar foi direcionado para a distância / Lá no mundo das pedras mortas / Você abrigou tristeza / A alma corre / Sobre a onda de gelo / Você sente que a morte está próxima / O medo tomou conta de você”

Claramente ligada ao breve texto que abre a composição por escrito. A luta pela sobrevivência, o clamor pela vida, o deslumbre por conta dos momentos felizes, o medo e o espanto diante de situações adversas, e o agradecimento por ter vivenciado tudo aquilo e pelo dom da própria vida. Desde o nascimento até o último suspiro, tudo é valorizado e tomado como exemplo em forma de agradecimento. A sequência da letra só reforça esse discurso e te coloca em uma aventura repleta de figuras mitológicas que estão lá para guiar a você e seus entes queridos que estiverem juntos nessa viagem. Não deixe de conferir e aprender um pouco mais. É divertido e enriquecedor. E agradeça a excelente vocalista, Мария Архипова (Maria Arkhipova), a nobre e gloriosa Masha “Scream”.

Letra completa

“Goi, Rode Goi!”

Сквозь седой туман
Взгляд устремился вдаль
Там в мире мертвых скал
Ты затаил печаль
Мечется душа
Над ледяной волной
Чуешь, что смерть близка
Страх овладел тобой

Ой, гой, Роде! Ой, гой, Роде!

Не ставший жертвой буйных вод
В смертельной схватке с ветром
Вздымая длани к небесам
Ждешь Родова ответа

Как во лесе, ой да во темном
Требы огнем воспылают
Гласом священного рога
Братья богов восславляют

Да прольется святая сурья
В чашу у лика родного
Устами славу глаголят
Словом, да к Родову дому

Гой, Роде, гой!
Гой, Роде, гой!
Гой, Роде, гой!
Ты слышишь?
Гой, Роде, Гой!

Эй, Стрибога – Ветра вы дети
Песнь мою вы несите с собою
Да воспойте, как на рассвете
Бились мы с пучиной морскою

Не слышны нам звонкие песни
Мы одни под холодной луною
Что же боги поведают вскоре
Нам, укрытым ночи пеленою?

Взор к богам до небес воздымается
Кровь из ран на земь проливается
Сон в хладной тьме согреет
Мы уйти обречены
Жизнь во сне померкнет
В царство Мары сгинем мы

Как во лесе, ой да во темном
Лежа у пепла, да тленна
Устами жизнь воспевают
В хладных объятьях Марены
Да прольется алою кровью
Горе, да болью пронзая
Гласом во синее небо
Рода пред сном восславляя:

Гой, Роде, гой!
Гой, Роде, гой!
Гой, Роде, гой!
Ты слышишь?
Гой, Роде, Гой!

Ой, гой Роде! Ой, гой, Роде!

Redigido por Stephan Giuliano

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -