PUBLICIDADE

Mike Portnoy: “hoje em dia, você realmente não precisa de uma gravadora para divulgar sua música”

O atarefado baterista Mike Portnoy, membro de inúmeras bandas e participante de outros tantos projetos, conversou com Darren Paltrowitz no “Paltrocast With Darren Paltrowitz”. No bate papo, Portnoy abordou a sua decisão da lançar o terceiro álbum de estúdio do “The Winery Dogs” através de seu selo Three Dog Music (via Burnside Distribution/The Orchard). 

   

Mike comentou o seguinte disse :

“Bem, este novo álbum do Winery Dogs é na verdade a primeira vez que eu trabalhei sem uma gravadora, para ser honesto. tudo o mais que eu faço, a maioria dessas coisas é com a InsideOut MusicSons of Apollo, Transatlantic, Liquid Tension [EXPERIMENT], as coisas que eu faço com Neal Morse, isso tudo é feito através da InsideOut. E os dois primeiros álbuns do The Winery Dogs foram com o selo Loud & Proud, que desde então se desfez. Então, aqui estamos nos encontrando em uma outra situação, em pleno 2023, em que você realmente precisa cada vez menos de selos. E este novo álbum é a minha primeira experiência pessoal trabalhando sem uma gravadora. Eu acho que Richie [Kotzen] fez seus álbuns solo dessa maneira e sugeriu que talvez fizéssemos com o The Winery Dogs dessa maneira.”

Winery Dogs/Reprodução

“Acho que é mais ou menos onde estamos. Você realmente não precisa de uma gravadora para divulgar sua música. Contanto que você tenha um distribuidor e um publicitário, você pode fazer a arte sozinho ou as pessoas com quem trabalha podem fazer. e é tudo sobre mídia social nos dias de hoje. A maioria das gravadoras está confiando em nós, os artistas, para promover seus discos nos dias de hoje. Já vi isso acontecer com diversos selos; Já vi isso acontecer com promotores de shows. Eles estão confiando nas mídias sociais dos artistas para divulgar mais do que eles próprios. Então eu acho que é mais ou menos para onde estamos indo. É meio refrescante, para ser honesto. Isso coloca um pouco mais de pressão sobre nós para estarmos fazendo muito do trabalho braçal, mas colhemos os benefícios disso. Não estamos mais à mercê de um selo.

“Quando eu estava começando com o Dream Theater nos anos 80 e 90, você não podia fazer nada a menos que tivesse um contrato de gravação. Você não poderia entrar em um estúdio de gravação e fazer um disco e obter um vídeo, a menos que você tivesse uma gravadora. Mas os tempos mudaram muito desde então. Agora, contanto que você tenha uma conta do YouTube ou uma conta do Instagram, você pode colocar sua própria música no Spotify ou iTunes ou o que quer que seja, você pode ter controle total sobre sua música, o que é uma coisa boa, eu acho.

Confira a entrevista completa no canal do YouTube:

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -