PUBLICIDADE

Iron Maiden: “metade de nós vai ter câncer”, afirma Bruce Dickinson

Em 2014, o frontman e vocalista de uma das maiores bandas de Heavy Metal da história, Bruce Dickinson, do Iron Maiden, foi diagnosticado com um câncer na garganta. Após seu tratamento e recuperação do gravíssimo problema, o vocalista passou a ser quase que um símbolo de superação dentro do mundo da música. Devemos lembrar que o câncer já ceifou a vida de ícones como Dio e Chuck Schuldiner, entre tantos outros.

   

Desde então, em quase todas as suas entrevistas, Bruce é questionado sobre a luta que teve com a doença. E na recente apresentação de seu show de palavras faladas, na parte de perguntas e respostas, ele foi questionado sobre quais conselhos ele daria para quem está começando sua batalha contra o câncer.

A resposta de Bruce foi a seguinte:

“Esta é a maneira como eu lidei com isso… E as pessoas vão lidar com isso de maneiras diferentes. Eu abracei o tratamento. Fui ver a grande máquina de radiação e disse: ‘ Ok, como isso funciona então? O que isso faz? O que isso vai fazer comigo e onde? E como você está fazendo a diferença entre isso e aquilo? E você pode fazer o que com isso? Uau, isso é muito legal. Isso é incrível. É insana, a tecnologia.'”

Reprodução / Facebook

Se interessar pelos procedimentos e deixar o tratamento ser importante para ele, fez toda diferença. Ter a curiosidade de entende-lo, fez ele se sentir bem e melhor. Ele continuou:

“Eu diria para abraçar o tratamento e lembrar-se sempre da probabilidade… Não sei qual é o seu câncer. Não conheço as circunstâncias individuais. Não sou médico, então não vou fazer qualquer previsão. Não posso fazer nada assim e nem faria, porque é muito particular. Mas devo dizer que as terapias que as pessoas estão inventando agora estão sendo tão bem-sucedidas que você realmente tem uma chance muito alta. Porque metade de nós vai ter câncer, mas não é mais uma sentença de morte, você pode lidar com isso. E as coisas que eles têm que fazer com seu corpo para se livrar dele estão ficando cada vez melhores à medida que avançamos com os tratamentos. Eles fizeram algumas coisas desagradáveis ​​ao meu corpo. Tenho sorte de estar completamente livre disso e tudo mais.”

Reprodução / Facebook

Sobre gostar ou não de falar sobre o assunto, Bruce continua:

“Eu só falo sobre isso quando venho fazer esses shows porque as pessoas querem saber. Eu gosto bastante de falar sobre isso porque você meio que desmistifica um pouco para as pessoas. É uma coisa assustadora.”

Os dados da organização mundial da saúde dizem que aproximadamente 39% dos homens e mulheres serão diagnosticados com algum tipo de câncer em algum momento da vida. Levando em conta os dados de 2016-2018. Mas, em países como o EUA, a taxa de mortalidade do câncer diminuiu 32% entre 1991 e 2019. Dickinson passou por radioterapia e 9 semanas de quimioterapia intensiva até se curar totalmente.

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -