PUBLICIDADE

Indicação: Morvidhen – “Morvidhen” (2021)

A princípio, fundada em 2010, na cidade de Lima, capital do Peru, a banda Morvidhen lançou o seu primeiro registro, o EP “Lethal Speed Metal”, em 2015. Porém, no dia 8 de março do ano passado, eles lançaram seu full lenght homônimo.

   

Speed Metal é o subgênero que menos lança álbuns todos os anos, porém, salvo algumas exceções, os poucos títulos lançados apresentam boa qualidade. O ano de 2021 não fugiu a essa regra.

MORVIDHEN / Divulgação / Facebook

Morvidhen Speed Metal

Sobretudo, a sonoridade do quarteto tanto no EP quanto no recente álbum completo é um Speed Metal totalmente old school (80’s). Entretanto, o diferencial do atual registro é ter duas canções no idioma espanhol, “Despierta” e “Abandonado En El Infierno”, já que “Lethal Speed Metal” é composta apenas por faixas em inglês.

Por outro lado, o baterista Speed faz jus ao seu codinome, pois bate forte e rápido na maior parte do tempo. Ele se destaca junto com o baixista e vocalista, Ratt, na canção “Wild Lover”.

Enquanto isso, a dupla Oswaldo Gonzales e Francisco Malatesta trabalha suas guitarras com arranjos diferenciados nas bases e riffs que se combinam e se complementam. Os solos de Gonzales reúnem melodia e velocidade.

Além das faixas já citadas, destaco as músicas, “Morvidhen”, tema instrumental de abertura do disco; a versão de “Fire Wheels” por ter meus riffs favoritos nesse trabalho; “Stand Up and Fight”, minha canção predileta do homônimo, a qual tem uma pegada do Iron Maiden dos primórdios; a versão de “Lethal Speed Metal”, a qual batiza o registro antecessor da banda e tem um refrão com vibe muito alta; “Nuclear Shelter”, a qual também faz parte do EP.

“Corroídos pelo poder – tomando nossas vidas / nosso sangue está vazando – começa a escorrer / Então o poderoso plano B estará em campo / eles libertam a besta – e ganham morte e dor.”

Destaco ainda “Claws Of Hades” por ser a mais trabalhada e a que melhor encaixa aos vocais de Ratt, além da Heavy/Speed, “Soul Of Steel”, que encerra o álbum com o mesmo alto nível com o qual ele inicia.

Excelente início e Speed Metal nas veias.

Nota: 8,8

Integrantes:

  • Speed (bateria)
  • Oswaldo Gonzales (guitarra)
  • Francesco Malatesta (guitarra e vocal)
  • Ratt (vocal e baixo)

Faixas:

  1. Morvidhen
  2. Despierta
  3. Wild Lover
  4. Abandonado en el infierno
  5. Fire Wheels
  6. Stand Up and Fight
  7. Lethal Speed Metal
  8. Nuclear Shelter
  9. Claws of Hades
  10. Soul of Steel

Redigido por: Cristiano “Big Head” Ruiz

Quem é Mundo Metal?

Mundo Metal nasceu em 2013, através de uma reunião de amigos amantes do Rock e Metal. Com o objetivo de garimpar, informar e compartilhar todos os bons lançamentos, artistas promissores e tudo de melhor que acontece no mundo da música pesada.

   

Despretenciosamente, veio o grupo e depois a página no Facebook, aos poucos passamos a utilizar outras redes como Instagram e Youtube e, posteriormente, nosso site oficial veio a luz. Apesar de todas as dificuldades da vida cotidiana, nunca desistimos de nossos objetivos e, hoje, nosso site está em franca expansão.

Sejam muito bem-vindos a nossa casa e desejamos de coração que voltem sempre.

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -