Bent Sea: projeto de Dirk Verbeuren (baterista do Megadeth)lança nova música

PUBLICIDADE

O baterista Dirk Verbeuren (Megadeth, Brave The Cold, Cadaver, etc), lançou uma nova música de seu projeto batizado de Bent Sea.

Intitulada “Destroy The Autocrats”, a música conta com a colaboração dos músicos Omid Torn (Battletorn), nos vocais, e Jesper Liveröd (Asum), responsável pelas linhas de baixo.

A canção é a oitava de uma série apelidada por Dirk de “Instagrind”.

Em maio de 2020, o músico lançou “Instagrind” EP cujo título dá nome ao projeto, e traz a colaboração de Athenar (Midnight) nos vocais.

As faixas seguintes foram “Instagrind”, “Grind To A Halt”, “Sycophant Legions”, “Nothing Blasts Forever”, “Quietus”, “Anger Mgmt”, e “The Instant Grind”

Em todas as faixas citadas, Verbeuren contou com a colaboração de nomes como Petri Eskelinen (Feastem), Richard Johnson (Drugs Of Faith), Tomas Lindberg (At The Gates), Keijo  Niinimaa (Rotten Sound) e Leon Del Muerte (Impaled, Murder Construct).

Em 2012, o músico falou ao PureGrainAudio sobre a formação do Bent Sea:

“simplesmente aconteceu. Eu costumava tocar guitarra, mas nos últimos anos meu foco era exclusivamente na bateria. Minha esposa tinha me incentivado a escrever minha própria música, então eu decidi tentar. O resultado acabou sendo Bent Sea”.

Em 2016, o músico também falou com o All About The Rock, sobre o Bent Sea:

“É algo inesperado, sem nenhum plano de negócios. A ideia desde o início foi basicamente ‘sem pressão’ e eu pretendo mantê-lo assim”.

Sobre o nome do projeto, o músico belga que vive em Los Angeles disse:

“É tirado de uma canção da dupla experimental britânica Endvra, que eu acidentalmente encontrei em meus dias de troca de fitas. A música deles não tem absolutamente nada a ver com grindcore, mas de alguma forma Bent Sea surgiu em minha mente. Eu gosto que seja atípico e que evoque imagens apocalípticas ecoando a intensidade da minha música”.

Dirk Verbeuren tocou com o Soilwork por mais de uma década antes de integrar a banda americana Megadeth em 2016 como o substituto de Chris Adler (Lamb Of God), que chamou Dirk de “provavelmente um dos três melhores bateristas do mundo”.

Em entrevista à estação de rádio KATT Rock 100.5 FM, Dave Mustaine do Megadeth rasgou elogios ao falar sobre o baterista. Segundo Mustaine:

“Dirk é um dos caras mais agradáveis e fáceis de conviver que já conheci na minha vida. Ele sorri e se inclina para frente e me dá um tapinha nas costas. Ele fala [adota um sotaque fraco], ‘Como vai, cara?’ Eu poderia dizer, ‘Oh, cara…qualquer coisa. ‘Oh, ok, amigo.’ [Ele] sorri e me dá um tapinha, porque ele é apenas um cara feliz. Eu nunca, nunca, nunca o vi sem sorrir”.

Formado em 2011 e contando com: Sven de Caluwé (Aborted) nos vocais, Shane Embury (Napalm Death) no baixo, além de Dirk Verbeuren na bateria, o grupo conta com um EP, três Splits e dois singles. Todos lançados de forma independente.

Ouça “Destroy The Autocrats”.

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,663SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
151SeguidoresSeguir
960InscritosInscrever

Últimas Publicações