Dio: finalmente, autobiografia ganha data de lançamento e capa é revelada!

PUBLICIDADE

Já há bastante tempo, a autobiografia do ícone Ronnie James Dio, está para ser lançada, porém, com o Covid-19, os trabalhos acabaram atrasando um pouco pois algumas entrevistas importantes ainda precisavam acontecer para que tivéssemos todos os depoimentos inclusos e os responsáveis pela coleta destes depoimentos estavam impossibilitados de viajar. Agora, finalmente, parece que tudo está pronto e temos uma data de lançamento! “Rainbow In The Dark: The Autobiography”, será lançada no dia 27 de julho pela Permuted Press. A biografia estava sendo escrita por Dio, porém, seu falecimento em 2010 impossibilitou o término e, Wendy Dio, viúva do cantor e responsável legal pelos direitos de toda a sua obra, entregou todos os manuscritos do músico para o renomado Mick Wall, que passou a coletar depoimentos de diversos artistas que conviveram com Dio nos mais diferentes períodos de sua carreira.

Reprodução/Divulgação

Segundo Wendy: “Tudo o que Ronnie fazia, letras ou qualquer outra coisa, era sempre escrito à mão. Ele não fazia nada no computador. Então ele escrevia à mão e depois me entregava e então eu entregava para minha assistente, ela datilografava tudo. Então foi assim que foi e, claro, eu li ao longo do caminho e é muito, muito interessante. É simplesmente incrível como as histórias dele são interessantes. Ele era um contador de histórias. Ronnie sempre foi um contador de histórias e estas são apenas grandes histórias que ele escreveu sobre sua vida.” As poucas linhas que descrevem o livro já nos deixam bastante ansiosos pelo material: “Enquanto Ronnie contempla a realização de um sonho, ele reflete sobre os principais aspectos que se uniram neste momento – a gangue de amigos que possibilitou seu início na música, tocando em festas, bares, fraternidades e clubes; a transição repentina que o moveu para o microfone e mudou sua vida para sempre; a sorte que levou ao nascimento do RAINBOW e uma colaboração produtiva muito difícil com Ritchie Blackmore; o encontro casual que o tornou o segundo vocalista do BLACK SABBATH, levando-o a novos níveis de sucesso; a história surpreendentemente terna por trás do nascimento dos Devil Horns, o símbolo duradouro do heavy metal; o casamento dele com Wendy, que estabilizou sua vida, e a grande aposta que fizeram juntos para lançar o empreendimento de maior sucesso de sua carreira … sua própria banda, DIO.”

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,663SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
151SeguidoresSeguir
960InscritosInscrever

Últimas Publicações