PUBLICIDADE

A incrível história do Kiss Army

Este novo quadro destina-se a desenterrar alguma informação desconhecida, pouco lembrada ou até mesmo completamente esquecida por boa parte dos fãs sobre suas bandas de Rock prediletas. Na estreia de hoje, vamos revirar os arquivos da banda Kiss. Senta que lá vem história!

Reabrindo os arquivos do Kiss, encontramos registros que remontam à década de 70, mais precisamente ao ano de 1975, quando os garotos Bill Starkey e Jay Evans fascinados pelo quarteto de Detroit, decidiram fundar o Kiss Army, o primeiro fã-clube do Kiss, em Indiana, EUA.

   

As circunstâncias que levaram à fundação do Kiss Army é muitas vezes é o que se perde na memória e as pessoas, de forma generalizada, não sabem. Tudo começou quando um grupo de jovens inconformados e apaixonados pela banda, se rebelou contra uma estação de rádio local, na época a WVTS, o motivo: a rádio se recusava a tocar as músicas do Kiss.

Autodenominando-se “Kiss Army” (algo como o “exército do Kiss”), o grupo liderado pelo “general” Bill Starkey e o “marechal” Jay Evans incessantemente contatava a rádio para pedir que as músicas do Kiss fossem tocadas, e existem relatos de que o grupo de jovens tresloucados com os hormônios em ebulição, enviavam cartas ameaçando explodir a rádio, entre outras coisas.

Foi então que a WVTS decidiu ceder aos apelos emocionados dos jovens e passou a executar as músicas do Kiss em sua programação. Após um show da banda realizado em Terre Haute, no dia 21 de novembro de 1975, o Kiss Army se tornou o fã-clube oficial. Este show mostrou a força do Exército, que esgotou os 10 mil lugares de Terre Haute, após Bill Starkey e Jay Evans recrutarem milhares de fãs através da própria rádio WVTS. Bill subiu ao palco e foi presenteado pelo Kiss com uma placa.

Nos inúmeros relatos de Bill Starkey (hoje com 67 anos) sempre que questionado sobre o Kiss Army, ele dizia:

“Para mim, é tudo sobre a música do Kiss. Nunca foi sobre os trajes. A ideia por trás do Exército do Kiss era colocá-los no rádio, porque gostávamos das músicas.”

Bill Starkey, recentemente. Créditos: Reprodução/Divulgação

Este foi um breve resumo de uma história que já dura 46 anos. O Kiss Army ainda está na ativa e possui atualmente milhares de membros ao redor do mundo. Todos com uma coisa em comum: a adoração ao Kiss!

Em breve, outras bandas e outras histórias como esta serão contadas aqui no Mundo Metal.

Redigido por Flávia Reis

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PARCEIROspot_img

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
220SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações