PUBLICIDADE

Música & Letra: “The Prince Of Metal” (Durbin)

Este é um quadro especial e bastante específico, pois abre espaço para inserir e entender junto ao caríssimo e assíduo leitor, o que cada música conta para nós em seus versos e estrofes, acompanhadas por grandes riffs e solos de sucesso.

   

Por vezes, os videoclipes não mostram com exatidão toda a mensagem composta na canção, e este espaço foi idealizado exatamente para explanar e decifrar o que está por trás das letras. Assim sendo, vamos conferir a escolha desta edição.

Sobre a música:

“The Prince Of Metal” (O Príncipe do Metal) é a faixa de abertura do sensacional álbum de estreia do vocalista e guitarrista, James Durbin (ex-Quiet Riot), que se chama “The Beast Awakens”.

Sobre a letra:

A temática lírica se baseia em pura fantasia épica, sendo daquelas canções que levam a nossa mente a viajar. Como ser um monarca guerreiro do Metal?

“Seu coração rugia e suas mãos estavam juntas a seu rosto / Os céus abriam a resposta a todos os seus elogios / Num piscar de olhos / O anjo explodiu em chamas / Na loucura ecoante / Eles o agarraram e arrastaram para longe.”

É necessário ir mais adiante para que o sentido épico floresça à interpretação.

“A torção do aço e o corte da lâmina / A queda dos reis da terra será lembrada por muito tempo / Das cinzas outro surgirá / A profecia diz: / Levante seus chifres e estique suas cabeças, o ‘príncipe do metal'”

Seria o PRÍNCIPE DO METAL, cada um de nós que vivemos o estilo, derrubando todos os padrões, assim como as imposições do “reis da terra”? A mim, me parece que está claro este significado.

“Ele seguiu sua regra e eles lutaram onde quer que pudessem ganhar / No calor da batalha / Lembrando de onde ele tinha vindo / Galopando forte durante a noite / Ele correu durante o dia / Escapando das garras dos fantasmas do passado e de seus caminhos.”

Esse trecho intensifica o que eu havia interpretado anteriormente. “Ele seguiu sua regra…”, ou seja, ele não obedeceu a nenhuma imposição. “Escapando das garras dos fantasmas do passado e de seus caminhos…”, aqui, escapando dos antigos reis e suas coerções.

“O luto cai na multidão / E as rosas pintaram o chão / Enquanto ele pousa a mão no arremesso daqueles que o pavimentaram / Por um dia aquela coroa ele manterá / Nas memórias e nas histórias do passado / Gritando na cara de quem vai tentar e pegar / A torção do aço e o corte da lâmina / A queda dos reis da terra será lembrada por muito tempo / Das cinzas outro surgirá A profecia diz / Levante seus chifres e estique suas cabeças, o príncipe do metal”.

Se cada um de nós, PRÍNCIPES DO METAL, nos portarmos como guerreiros, não seremos forçados a engolir cagações de regras.

Clique no link abaixo, a fim de curtir “The Prince Of Metal” no máximo:

“The Prince Of Metal”

His heart in a roar & his hands together on his face

The heavens had opened the answer to all of his praise

In the blink of an eye

The angel had burst into flames

In the echoing madness They grabbed him and dragged him away

The twisting of steel & the slice the blade

The fall of the kings of the land will long be remembered

From the ashes another will rise The prophecy says

Raise Thy Horns Bang Thy Heads The Prince Of Metal

He followed their rule & they fought wherever they could gain

In the heat of the battle Remembering whence he had came

Galloping hard for the night He raced for the day

Escaping the grasp of the ghosts of the past & their ways

The twisting of steel & the slice the blade

The fall of the kings of the land will long be remembered

From the ashes another will rise The prophecy says

Raise Thy Horns Bang Thy Heads The Prince Of Metal

The mourning falls in the crowd And the roses painted the ground

As he rests his hand on the thrown of the ones who paved it

For one day that crown he will hold In the memories & the stories of old

Screaming in the faces of the ones who will try & take it

The twisting of steel & the slice the blade

The fall of the kings of the land will long be remembered

From the ashes another will rise The prophecy says

Raise Thy Horns Bang Thy Heads The Prince Of Metal

Intepretação e Redação: Cristiano “Big Head” Ruiz

PUBLICIDADE

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais

30,849FãsCurtir
8,583SeguidoresSeguir
197SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
1,151InscritosInscrever

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -